Arquivo da categoria: PENSAMENTOS

O AMOR VERDADEIRO É DOM DE DEUS

          

 ♥ஜ Dulci:

Respondeu-lhe Jesus: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.
Mateus 22:37-39

 AMAR A DEUS COM TODAS AS MINHAS FORÇA SIGNFICA ABRIR MÃO DE SI PRÓPRIO…E FAZER A  VONTADE PERFEITA DE DEUS.

EM OUTRO TRECHO DA ESCRITURA ESTA ESCRITO ASSIM:

AQUELE QUE NÃO NEGAR  A SIM MESMO E VIR APÓS MIM NÃO É DIGNO DE MIM.

MAS UMA PROMESSA ME FORTALECE:

QUANDO O SENHOR DIZ QUE ELE MESMO PELO SEU ESPIRITO COLOCA EM NÓS DO VERDADEIRO AMOR.

DEUS É AMOR E AQUELE QUE NÃO AMA  NÃO CONHECCE  DEUS ESSE AMOR VERDADEIRO A DEUS SE DA QUANDO AMAMOS NOSSO IRMÃO E FAZEMOS A SUA VONTADE.

DEUS O ABENÇÕE.

BELEZA INTERIOR… O BOM PERFUME…

Qual é o seu cheiro?

Quem não gosta de um bom perfume? Todos gostam. Cada um tem um gosto diferente, mas todos gostam de estar perfumados, com uma essência agradável sobre sua pele. O texto de 2 Coríntios diz que para a vida cristã há dois tipos de perfume: o que cheira vida e o que cheira morte (v. 16). O perfume que cheira vida, creio que é a adoração. Um verdadeiro adorador tem esse perfume marcado na sua vida. Onde quer que Ele chegue, o ambiente fica impregnado da vida de Jesus que exala dele. E ao contrário do que muita gente pensa, adoração NÃO TEM NADA HAVER com belas canções. Você pode adorar a Deus com um sorriso, com uma lágrima, com um gesto, com uma dança e também com uma canção. Adoração é estilo de vida. Adoração é ser canal de benção para a vida de outras pessoas.

Adoração é ser exemplo de santidade. Adoração é serviço. Adoração é gratidão. Adoração é humilhação. Veja o texto tão conhecido de João 12. Depois que Lázaro fora ressuscitado, Maria estivera como coração tão grato a Deus, que derramara um vaso de Nardo (na época valia o salário de 1 ano de trabalho) sobre os pés de Jesus. O verso 3 diz que “encheu-se a casa com o cheiro do unguento”. Com esse gesto de humilhação e entrega, a adoração de Maria cheirou vida! E essa adoração agradou ao Pai. Não pelo valor, mas porque ela deu o seu melhor.

Somos salvos. Nossa gratidão ao Pai por Ele ter nos tirado da lama deve ser imensa. Eu cresci e passei por uma fase complicada de minha vida com o Senhor. Já não havia aquele fervor, aquele amor pelo Amado. O pecado estava tomando conta de mim. Foram dias de escuridão, de trevas. Mas Ele pacientemente me ergueu, me tomou pelo colo e me restaurou completamente. E a minha gratidão, depois disso, a Ele tornou-se tão grande, tão intensa que não me imagino longe dele. Não consigo mais viver sem exalar (ou pelo menos tentar ao máximo) esse perfume de amor, de adoração, de gratidão por Ele e para Ele. Meu desejo é o exalar a vida de Jesus, que agora realmente habita em mim. Você já parou para pensar onde estaria neste momento, se não fosse o milagre da salvação do Senhor em sua vida?

Infelizmente muitos de nós começamos a exalar um perfume que não é aquele que o mundo precisa e deseja sentir. Muitos de nós começamos a cheirar mal! O peso do pecado, a soberba, a falta de gratidão do coração e o mau testemunho fazem com que o perfume exalado de nossa alma cheire mal! Esse, para mim, é o cheiro de morte. Um perfume que só agrada aquele que veio para roubar, matar e destruir; aquele que veio trazer morte. Pois Jesus, veio para trazer vida, e vida com abundância (João 10.10)

Deus não para de prestar atenção naquilo que você faz. A Palavra diz que Ele está conosco todos os dias (Mateus 28.20). No nosso deitar, no nosso levantar, no que falamos, no que fazemos, como agimos, porque cantamos, porque dançamos… Em tudo isso e em muito mais, Ele está atento. Então, isso quer dizer que Ele está recebendo o cheiro do perfume que exala de você. Será que neste exato momento o perfume da sua vida está chegando ao coração dele? Qual dos dois Ele está sentindo? Cheiro de Vida ou cheiro de morte? Escolha o perfume. Compre-o, use-o e exale a fragrância que vai agradar as narinas do Amado da nossa alma: o Senhor Jesus.

::Por Renata Lima

Pedagoga, Líder do Ministério de Coreografia da Primeira Igreja Batista em Pirajá – Salvador/Bahia
renatalima5@bol.com.br

Colaboradora do portal Lagoinha.com

E EU DIGO AMÉM..RECEBO EM NOME DE JESUS.

Pastor Rogério:

Vaso,
Deus está lhe ensinando a confiar Nele! É fácil falar de fé, difícil é viver na dependência total do Senhor. Por isso, o escritor aos Hebreus escreveu: “Não lanceis fora, pois, a vossa confiança, que tem uma grande recompensa. Porque necessitais de perseverança, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa. Pois ainda em bem pouco tempo aquele que há de vir virá, e não tardará. Mas o meu justo viverá da fé; e se ele recuar, a minha alma não tem prazer nele” (Hb 10.35-38). Você não pode desistir agora! Dizem que é possível conhecer uma pessoa pelos livros que ela lê, pela música que ela ouve ou pelo que a faz rir e chorar. Penso que podemos conhecer uma pessoa pelos sonhos que ela alimenta em seu coração. Pessoas que não tem sonhos, planos e projetos, vivem uma vida sem propósitos e acabam mergulhadas na depressão. Talvez você seja a pessoa que recebeu de Deus a promessa e creu nela por um tempo. Passaram-se os meses e os anos e nada aconteceu. Talvez você esteja vivendo neste dilema? Entra primavera, sai verão, chega o outono e termina o inverno e nada acontece. É nestas horas de aflição que o desânimo tenta invadir o coração do crente para fazê-lo desistir da promessa. Não se deixe abater. Não tome decisões emocionais sem antes discernir as realidades espirituais. Você pode se arrepender depois. Fortaleça a sua fé em Deus, orando e buscando o conselho do Espírito Santo. Ele falará ao seu coração por intermédio da Palavra e dos seus profetas. Ele tem anjos espalhados por todos os lugares. Você não está lendo esta palavra por acaso! Ouça a voz de Deus dizendo ao seu coração: Não desista dos seus sonhos! “Nós, porém, não somos daqueles que recuam para a perdição, mas daqueles que crêem para a conservação da alma” (Hb 10.35-39).
Beijo na alma!!!

EU TENHO QUE FALAR COM DEUS…

A Oração é a prática da presença de Deus.
É o lugar aonde o orgulho é abandonado,
a esperança é renovada, e acontece a súplica.
A oração é o lugar de admitir nossas necessidades,
de adotar a humildade, e clamar por dependência de Deus.
A oração é a prática necessária do Cristão,
é o exercício de fé e de esperança.
A oração é o privilégio de tocar o ♥ do Pai,
através do Seu Filho, Jesus Cristo, nosso Senhor.
Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Tiago 4:8
Não estejais inquietos por coisa alguma;
antes as vossas petições sejam em tudo
conhecidas diante de Deus pela oração e súplica,
com ação de graças. E a paz de Deus,
que excede todo o entendimento,
guardará os vossos corações e os vossos sentimentos
em Cristo Jesus. Filipenses 4:6-7
Porque vosso Pai sabe o que vos é necessário,
antes de vós lho pedirdes. 
Pai, pela Sua misericórdia, ouça nossas orações.

Deus te abençoe!

ORAÇÃO E LEITURA DA PALAVRA DEVE SER ESTILO DE VIDA CRISTÃ. O PADRÃO DE DEUS E ALTO E DEVEMOS ANDAR EM ALTO PADRÃO.

Billy Graham: “Precisamos desfazer de muita gente na Igreja”

De acordo com Billy Graham, uma minoria dedicada causa mais estragos no Império das Trevas do que uma maioria acomodada. O texto abaixo foi extraído de uma mensagem pregada no 19 de junho de 1969, no Madison Square Garden, Nova York, em um país de maioria protestante.

O que precisamos nos Estados Unidos é nos desfazermos de muita gente que temos na Igreja.

Creio que poderíamos fazer muito melhor trabalho se fôssemos discípulos dedicados e disciplinados como havia na Igreja primitiva.

É preciso ter disciplina para levantar uma hora mais cedo para estudar a Bíblia. É preciso ter disciplina para desligar a televisão à noite uma hora mais cedo para gastá-la em oração.

Julgo ser uma boa coisa o fato de os cristãos se tornarem minoria. Foi assim que a Igreja primitiva virou o mundo de cabeça para baixo. Creio que temos sido numerosos demais. Temos nos estorvado uns aos outros e não temos tido disciplina e dedicação.

O que precisamos é de uma minoria dedicada para transformar este país e o mundo.

POR EDER BALIEIRO

 

MINISTÉRIO E VOCAÇÃO NÃO PROFISSÃO

Para o “ministério” não existe formação secular ou teológica; é claro, se tem uma necessidade de uma formação que agregue o ministério de quem recebeu o chamado ( sou teólogo). Não há como praticar nepotismo no ministério (apesar de vêr evidentemente pastores praticando); o ministério é intransferivel, não se passa de pai para filho (em alguns casos sim)! Tão-somente filho de crente não é crente e filho de pastor não é pastor. Assim como filho de médico, não é médico e filho de advogado, não é advogado. Os filhos tem que estudar e se prepararem se quiserem sêr como seus pais. Cada um de nós recebemos um ministério pessoal, ímpar, singular e intransferível. Temos que ter a noção de que existem muitas facetas no “ministério” que, embora, são parecidas mas nunca iguais. São singulares. Entretanto, perigos nocivos tentam também permear a singularidade dos mesmos. Por meio do que e de que você tem fundamentado o seu ministério? À base de conhecimento apenas escriturísticos? Ou à base da imitação do verdadeiro modelo do pentecoste? Pense, questione e raciocine. Cresça na “graça e no conecimento do Senhor Jesus Cristo”. Há um caminho que te leva até o Pai, o qual é: Jesus! E três caminhos que considero elementáres, básicos que te levarão até Jesus que é o mentor dos ministérios, os quais são: 
1.Leitura e aplicação da bíblia, que é a palavra de Deus!   
2.O Espírito Santo. Sem Ele ninguém reconhece Jesus como Senhor. (1 coríntios 12:03)
3.Oração constante e perseverante. Sem ela você não conhecerá a pessoa do Espírito que promove íntimidade com Deus.
4. Essas três coisas te darão autoridade para praticar o seu ministério.
Todos são mãos? Todos são pés? Porventura a mão pode dizer para o pé: Não tenho necessidade de ti! (1aos corintios 12). Estude exaustivamente esse capítulo de corintios e mergulhe numa visão tridimensional do seu ministério! Logo o “Ministério” é vocação e não profissão!

Pense nisso!
Ministério Eder Balieiro

DEIXA DEUS TE CURAR? FAÇA AGORA UMA ORAÇÃO….

TODA A MULHER QUE DESEJA FAZER A DIFERENÇA OBSERVA A PALAVRA DE DEUS.

1 – Ela teme ao Senhor – e esse temor faz com que veja o marido como se fosse o Senhor Jesus, mesmo que ele seja incrédulo.”…mas a mulher que teme ao Senhor, essa será louvada.” (Provérbios 31.30)
2 – Ela é sabia – por isso: fala pouco ou só mesmo o necessário. Quando a pessoa fala muito é porque é egoísta, e sempre quer impor aos outros as suas idéias e pensamentos. “O que guarda a boca conserva a sua alma, mas o que muito abre os lábios a si mesmo se arruína.” (Provérbios 13.3)
3 – Ela é discreta – Nunca procura chamar a atenção dos outros para si. O seu comportamento é contrário ao das mulheres do mundo. A sua fala é suave, suas roupas são discretas. “O seu rosto pode ser maquiado, mas não mascarado” “Como jóia de ouro em focinho de porco, assim é a mulher formosa que não tem discrição.” (Provérbios 11.22)
4 – Ela é virtuosa – A mulher virtuosa é aquela que procura cuidar muito mais do seu coração do que do seu corpo. Tem, como fragrância no seu corpo, a plenitude da presença do Espírito Santo. “Porque nós somos para com Deus o bom perfume de Cristo; tanto nos que são salvos, como nos que se perdem.” ( 2 Coríntios 2.15)
5 – Ela é forte – Não se abate diante das dificuldades. Pelo contrário, quando os momentos difíceis acontecem, surge com a determinação de mulher de Deus. “A força e a dignidade são os seus vestidos, e, quanto ao dia de amanhã, não tem preocupações.” (Provérbios 31.25)
6 – Ela é de Fé – A mulher de Fé é aquela que vê nas dificuldades apenas novas oportunidades. Como dona-de-casa, sabe fazer do limão uma boa limonada! Estimula a Fé do seu marido com palavras de ânimo e coragem. “O coração do seu marido confia nela…” (Provérbios 31.11)
7 – Ela é trabalhadeira – A mulher de Deus nunca é preguiçosa, porque tem prazer em cuidar dos afazeres de casa de tal forma que, quando o seu marido chega à casa, tudo estará em ordem. Ela não espera que os outros façam aquilo que é de sua competência. “É ainda noite, e já se levanta, e dá mantimento à sua casa, e a tarefa às suas servas. Atende ao bom andamento da sua casa, e não come o pão da preguiça.” (Provérbios 31.15 e 27)
8 – Ela é fiel – A mulher de Deus não é fiel apenas ao seu marido, mas também à sua igreja. Sua fidelidade se faz transparecer no serviço da obra de Deus. “Aconteceu depois disto que andava Jesus de cidade em cidade e de aldeia em aldeia, pregando e anunciando o evangelho do Reino de Deus, e os doze iam com ele, e também algumas mulheres que haviam sido curadas de espíritos malignos e de enfermidades: Maria, chamada Madalena, da qual saíram sete demônios; e Joana, mulher de Cuza, procurador de Herodes, Suzana e muitas outras, as quais lhe prestavam assistência com os seus bens.” (Lucas 8.1-3)
9 – Ela é sensata – A mulher de Deus sabe ser cuidadosa com suas palavras, especialmente quando o seu marido é incrédulo. Os lamentos e as reclamações nunca surtem bom efeito nos ouvidos de quem os ouve. Se for sensata, sabe como contornar uma situação desagradável, ao invés de ficar reclamando todo o tempo. “A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto.” (Provérbios 18.21)
10 – Ela tem bons olhos – A mulher de Deus procura ver as demais pessoas como Deus as vê. É verdade que há pessoas más e que é difícil vê-las com bons olhos, mas porque ela é de Deus os seus olhos sempre procuram ver o lado bom daquelas pessoas. É melhor ser prejudicado com bons olhos do que alcançar vantagens com maus olhos. “São os olhos a lâmpada do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso; se, porém, os teus olhos forem maus, todo o teu corpo estará em trevas. Portanto, caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão!” (Mateus 6.22,23)
(Mensagem extraída do livro “O Perfil da Mulher de Deus”)

OVELHAS QUE SÃO OVELHAS…NÃO FALAM MAL DO SEU PASTOR,ISSO DENOTA QUE ELA ESTA SE REBELANDO CONTRA A AUTORIDADE PASTORAL. ELE DEVE ORAR A DEUS E TAMBÉM FALAR AO PASTOR O QUE ESTA SENTINDO. E O PASTOR DEVE AMAR,SERVIR,ENSINAR,REPRIENDER…DISCIPLINAR ENFIM CONDUZIR A OVELHA PARA O APRISCO OU SEJA O PASTOR VAI DAR CONTA DAS ALMAS (OVELHAS) COLOCADAS EM SUAS MÃOS E NÃO DEVE BUSCAR O RECONHECIMENTO HUMANO POIS DEUS JULGARA E REPENSARÁ A CADA UM POR SUAS OBRAS. ESTES MESMO MUITAS VEZES SÃO INGRATOS. MAS A AMBOS CABE SEMPRE UMA BOA CONVERSSA E AMOR E PERDÃO.E NO CASO DA SUJEIÇÃO UNS AOS OUTROS A OVELHA É SUJEITA AO SEU PASTOR.

Certo dia, encontrei uma ovelha. Seu nome… Bem, não importa… Mas percebi que caminhava sozinha na cidade, vagava pelas ruas sujas do centro da cidade de São Paulo, como quem procura algo em que fixar seus pensamentos. Perguntei a ela: “O que está fazendo por aqui?”. “Sabe? Estou farta do meu pastor!” – respondeu ela – “Ele não consegue fazer nada direito!” – prosseguiu com seu discurso… “Você não acredita, mas ele agora deu de fazer as coisas sem consultar a gente. Comprou uma bateria novinha e… blá… blá… blá… blá… blá…”. Quarenta minutos depois sai de lá com as orelhas inchadas do tanto que escutei. Ela garantiu que se fosse ele, que se estivesse em seu lugar faria tudo diferente. Que tudo seria melhor…
Coincidentemente no mesmo dia, um pouco mais tarde, encontrei um pastor, estava decepcionado com algumas de suas ovelhas. Eu estava voltando pra casa de trem e ele estava desconcertado sentado no canto, olhando para o infinito através da janela: “Minhas ovelhas são ingratas, não sabem o tempo que dedico a elas em jejum e oração. Elas não sabem o quanto choro pra que se mantenham salvas…” – ele apresentava sua queixa. Ele era um homem bom, dos poucos que encontramos hoje em dia. “Sabe?! Quanto mais tempo você dedica para cuidar de uma ovelha, mais ingrata ela se tornará. Parecem gostar que as tratemos de forma dura!”.
Que ironia, dois encontros com queixas completamente opostas num único dia! Opostas sim, mas não contraditórias. Esquisito isto, mas como é verdade o fato de que há muitos pastores criticados por suas ovelhas e muitas ovelhas criticadas por seus pastores. Parecem nunca chegar a um acordo. Mas quem está com a razão? Os pastores que se sentem comissionados por Deus para conduzir o povo até sua presença e, muitas vezes, o fazem cheios de si mesmos ou as ovelhas com crise de superego, perdidas em seus próprios conselhos, às vezes até tapadas à sabedoria por causa de seu orgulho nocivo?
A luta por quem está com a razão tem então seu início, mas diante de Deus o que mais tem valor? A quem Deus escuta mais? O pastor? A ovelha? Claro que não dá para generalizar, cada caso é um caso, mas Deus com certeza só pode pender para um lado – o da sua Palavra. Sobretudo prevalecerá a vontade do Altíssimo, quanto aos pastores e ovelhas meu conselho é: Discutam o problema, perdoem-se mutuamente e prossigam a caminhada rumo ao céu, em outras palavras: Deixem de frescura e de picuinhas, tem coisa muito mais importante que a opinião de vocês! “Andarão dois juntos se não estiverem de comum acordo?” (Am 3.3) – Não use este texto como pretexto para se separarem, este texto é na verdade um desafio ao perdão, ao acerto, à reconciliação. Lembre-se que a bíblia não se contradiz, portanto “sujeitai-vos uns aos outros no temor de Deus” (Ef 5.21)

Leia mais: http://www.outsidethechurch.net/2010/09/de-pastores-e-ovelhas.html#ixzz16sRWAUv6

O VERDADEIRO CONHECIMENTO ESTA EM DEUS E NA SUA PALAVRA A BIBLIA TEM DIRETRIZES PARA UM CASAMENTO ABENÇOADO. O TEXTO ABAIXO REFLETE UM POUQUINHO DISSO.

                              

AMAR É UMA DECISÃO
O sábio recebeu a visita de um homem que dizia já não amar a sua esposa, e que pensava em separar-se.
O sábio ouviu…
Olhou-o nos olhos, disse apenas uma palavra,
e calou-se: Ame-a !
Mas eu já disse: Não sinto nada por ela!!
Ame-a, disse novamente o sábio.
E percebendo o desconforto do homem,
depois de um breve silêncio, o sábio explicou:
Amar é uma decisão, não um sentimento;
amar é dedicação e entrega.
Amar é um verbo e o fruto dessa ação é o amor.
O amor é um exercício de Jardinagem:
arranque o que faz mal, prepare o terreno,
semeie, seja paciente, regue e cuide.
Esteja preparado porque haverá pragas,
secas ou excesso de chuvas, mas nem por isso abandone o seu jardim.
Ame o seu par, ou seja, aceite-o, valorize-o, respeite-o, dê-lhe afeto e ternura, admire-o e compreende-o. Isso é tudo. Ame!!!